Quem sou eu

Minha foto

Sou Fotógrafo Profissional, Sertanista e atualmente trabalho com fotografia de Eventos Sociais em SP.

Arquivo do blog

Tecnologia do Blogger.

sábado, 28 de janeiro de 2017

Hortas ocupam espaços improváveis, como laje e Kombi


Tem gente que planta nos espaços mais improváveis possíveis. A solução do comerciante Marquinho Biggs foi subir. A casa em construção em Rio Novo/MG foi o local perfeito. A laje inteira foi tomada de verde.
Ele conta que a ideia surgiu da falta de espaço: “O único espaço que tinha era na laje. Eu falei vou plantar ali porque sempre amei fazer horta."
A horta do Marquinho tem de tudo. E ele ocupa todos os espaços possíveis. E a horta foi planejada para poder mudar, para poder ir subindo com a casa.
“Agora vou esperar primeiro melhorar a situação. Depois eu faço outra laje e passo a horta para cima, depois faço outra laje passo a horta para o último andar”, diz.
Horta do comerciante Marquinho Biggs ocupa toda a laje da casa dele, em Minas
Talvez pouca gente tenha uma laje para fazer uma horta. E que tal então uma horta sobre rodas? O colorido da Kombi pode até ser um indício, mas não dá para imaginar o tanto de plantas que cabe lá dentro. E é só abrir a "horta" que o pessoal começa a chegar.
Rodar por aí levando a horta para todos os cantos do Rio de Janeiro é a nova vida do biólogo Antônio Soares. Ele largou o emprego para tocar a ideia de uma Kombi que é horta, que é loja, que é um projeto de educação comunitária.
“A Kombi é nossa carruagem para toda essa ideia de fazer educação ambiental na prática, isso na rua, na feira. Então é na Kombi que a gente traz essas mudas, é na Kombi que a gente traz a horta no pallet, é na Kombi também que a gente dá essa mobilidade para essa ideia”, conta.

Fonte da matéria:http://g1.globo.com/globo-reporter/noticia/2016/07/hortas-ocupam-espacos-improvaveis-como-laje-e-kombi.html

Não quer filhos malcriados? Então evite isto imediatamente.

Criar filhos com certeza não é uma tarefa fácil.
A responsabilidade de cuidar da formação de uma pessoa é muito grande, e quem se dispõe a fazer isso com dedicação, merece reconhecimento.
Se você tem tido problemas com o mau comportamento dos seus filhos, este post pode ser bastante útil.
Crianças em todo o mundo tende a fazer birras, mas se isso não for controlado, pode resultar em grandes problemas no futuro.
Emma Jenner, a "Super Nanny" da versão americana de um conhecido programa de TV, revelou cinco atitudes que os pais costumam tomar, mas que prejudicam na educação dos filhos.
Ela também chama a atenção dos responsáveis que tentam agradar às crianças fazendo tudo por elas.
A consequência desse mal é que a sociedade acaba formando pessoas que têm medo de desafios e não sabem superar obstáculos sozinhas.
1. Ter medo de que o filho chore
Vamos supor que o café da manhã está na mesa, mas seu filho só quer beber o leite se for em outro copo.
Você tem duas opções: se levantar e procurar um copo que agrade a ele ou dizer que só tem aquele e que ele precisa se alimentar.
Muitos pais ficam com medo de ver o filho chorando e gritando, mas precisam entender que são eles quem mandam na casa e não as crianças.
Se a criança chorar, ignore até que ela faça o que você determinou.
Caso contrário, seu filho vai aprender que, todas as vezes que chorar, a vontade dele será feita.
2. Justificar os erros das crianças
Se diante de um mau comportamento você diz "as crianças são assim mesmo", então elas vão acreditar nisso.
As crianças são mais capazes de nos surpreender do que nós podemos imaginar.
Não ache normal o que é errado - erro é erro e precisa ser consertado.
3. Não deixar que outras pessoas repreendam seu filho
Já pensou como é ruim o professor ou funcionário da escola reclamar com seu filho e você mostrar irritação por isso?
A criança vai sempre se sentir acobertada porque ninguém pode repreendê-la.
Não faça isso!
4.Colocar o filho em primeiro lugar antes de qualquer outra coisa
Sabemos que os filhos são o grande tesouro dos pais na terra, mas isso não nos dá o direito de parar tudo o que estamos fazendo para atendê-los.
Muitos pais não sabem colocar limites e basta um pedido das crianças para que eles saiam correndo para atender, ignorando as muitas limitações que podem ter naquele momento.
Deixe claro para as crianças que tudo tem sua hora e que elas devem saber esperar.
5. Buscar distrações com eletrônicos
Muitas crianças hoje em dia não sabem esperar a comida ficar pronta, a fila do brinquedo andar ou qualquer outra coisa porque ficam chorando.
Como paliativo, os pais entregam aparelhos eletrônicos para evitar que os filhos fiquem irritados.
Isso é muito ruim!
Ensine as crianças a ter paciência.
Mais do que isso, sempre que possível, insira-as nas atividades.
Ou seja, se o almoço vai demorar a ficar pronto, convide seu filho para ajudar a "pegar na massa" e interagir com você.

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Bolo de beterraba sem glúten, sem açúcar e sem leite

Este bolo é muito rico em fibras, em licopeno, em ácido fólico e em minerais como o ferro.
É, portanto, um ótimo lanche para quem está com anemia.
Os que estão em dieta de emagrecimento também podem comer este bolo - sem excessos, claro -, pois a ausência de açúcar, de trigo, de ovos e de leite contribui para ele ser uma excelente opção de refeição para quem luta contra a balança.
Em resumo, é um bolo supersaudável e saboroso!

Vamos aprender a fazê-lo? A receita é bem simples.
Anote e leia com atenção:
INGREDIENTES

2 beterrabas grandes sem casca picadas
1 xícara (de chá) de azeite de oliva 
ou de ghee (ver receita AQUI) 
2 colheres (de sopa) de linhaça hidratada (para hidratar, ponha a linhaça num copo com dois dedos de água)
15 colheres (de sobremesa) de estévia pura em pó
1 xícara e meia (de chá) de farinha de arroz
1 colher de chá de raspas de limão
1 xícara (de chá) de amido de milho
2 colheres de sopa de fermento em pó
Azeite de oliva ou ghee para untar a fôrma e farinha de arroz para polvilhar.
MODO DE PREPARO
Bata no liquidificador a beterraba, a linhaça hidratada e o azeite ou ghee.
Passe para uma tigela e misture o restante dos ingredientes,
Ponha o forno para preaquecer.
Unte uma assadeira redonda de anel (com abertura no meio), unte com azeite, polvilhe com farinha de arroz e despeje a massa.
Asse em forno médio por aproximadamente 45 minutos.
Depois, é só tirar da fôrma e aproveitar!
Mas com moderação, tá?
Tudo em excesso faz mal - inclusive água.
Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

Suco Rosa combate Rugas e Celulite

O suco rosa é rico em vitamina C, um nutriente com alto poder antioxidante e que ajuda na fixação do colágeno no corpo, sendo importante para prevenir rugas, marcas de expressão, celulite, manchas na pele e o envelhecimento precoce.
Deve-se tomar de 1 a 2 copos desse suco diariamente junto com qualquer refeição, e o seu principal ingrediente é a beterraba, mas ele também pode ser feito com outras frutas e legumes vermelhos ou roxos, como goji berry, morango, hibisco, melancia ou uva roxa.
Benefícios
Além de melhorar a pele e evitar o envelhecimento precoce, o suco rosa também ajuda a manter a saúde da pele e dos cabelos, fortalece o sistema o sistema imunológico e previne doenças como gripe, artrite, sendo útil até mesmo para prevenir o câncer.
Esse suco também melhora a circulação sanguínea, o que ajuda a eliminar a retenção de líquidos, diminuir a pressão e aumentar o desempenho do treino, pois mais oxigênio e nutrientes chegam nos músculos. 
Receitas de Suco Rosa
As receitas a seguir são de sucos rosa, que podem ser tomados a qualquer hora do dia. No entanto, é importante lembrar que em casos de diabetes deve-se preferir o consumo de frutas e legumes inteiros, pois os sucos aumentam a glicemia com mais facilidade, podendo levar a um descontrole da diabetes.

Suco Rosa de Beterraba e Gengibre
Este suco tem cerca de 193,4 kcal e além dos benefícios da beterraba, o gengibre e o limão ajudam a limpar o intestino, melhorar a digestão, fortalecer o sistema imunológico e reduzir a pressão a arterial.

Ingredientes
1 beterraba
1 cenoura
10 g de gengibre
1 limão
1 maçã
150 ml de água de coco

Modo de preparo: 
Bater tudo no liquidificador e beber, de preferência sem adicionar açúcar.

Suco Rosa de Beterraba e Laranja
Este suco tem cerca de 128,6 kcal e é rico em vitamina C e fibras, ajudando a combater a prisão de ventre e prevenir gripes, resfriados e o envelhecimento precoce.

Ingredientes
1 beterraba pequena
½ pote de iogurte natural desnatado
100 ml de água gelada
Suco de 1 laranja

Modo de preparo: 
Bater tudo no liquidificador e beber, de preferência sem adicionar açúcar.

Suco Rosa de Hibisco e Goji berry
Este suco tem cerca de 92,2 kcal e além de combater a retenção de líquidos, é rico em fibras e antioxidantes, nutrientes que previnem a prisão de ventre e problemas como doenças cardíacas, envelhecimento precoce e câncer.

Ingredientes
100 ml de suco de laranja
100 ml de chá de hibisco
3 morangos
1 colher de sopa de goji berry
1 colher de sopa de beterraba crua

Modo de preparo: 
Bater tudo no liquidificador e beber, de preferência sem adicionar açúcar.

Além dos sucos rosa, chás e sucos verdes também ajudam a perder peso, regular o intestino e prevenir doenças, mas é importante lembrar que essas bebidas devem fazer parte de uma alimentação saudável e de uma rotina com prática regular de atividade física.

Fonte:https://www.tuasaude.com/suco-rosa/

Como fazer pão de batata doce para emagrecer

Para fazer o pão roxo e obter seus benefícios de emagrecer, deve-se utilizar como base da receita a batata doce roxa, que faz parte do grupo de alimentos ricos em antocianinas, um poderoso antioxidante presente em vegetais roxos ou vermelhos como uva, cereja, ameixa, framboesa, amora e morango.
Esse pão é melhor do que a versão branca comum porque dificulta a digestão e tem um índice glicêmico menor, fazendo com que o açúcar no sangue não aumente muito, evitando a produção de gordura no corpo.

Receita do pão de batata doce
A receita a seguir rende 3 pães grandes que podem ser consumidos no café da manhã e nos lanches.
Ingredientes:
1 envelope ou 1 colher de sopa de fermento biológico seco
3 colheres de sopa de água
1 ovo
2 colheres de chá de sal
2 colheres de sopa de açúcar
1 xícara de leite morno (240 ml)
2 xícaras de polpa de batata-doce roxa (350 g)
600 g de farinha de trigo (aproximadamente 3 ½ xícaras)
40 g de manteiga sem sal (2 colheres de sopa rasas)
Farinha de trigo para polvilhar
Modo de preparo:

Cozinhar a batata doce com casca até ficar bem macia. Descascar e amassar;
Misturar o fermento com água e deixar descansar por 5 minutos;
Bater no liquidificador o fermento hidratado, o ovo, o sal, o açúcar e o leite. Bater bem e juntar aos poucos a batata doce, batendo. até ficar um creme grosso;
Em uma bacia, colocar esta mistura e adicionar aos poucos a farinhas de trigo, misturando com uma colher ou com as mãos;
Continuar adicionando farinha até que a massa não grude nas mãos;
Adicionar a manteiga e misturar bem, até a massa ficar lisa e brilhante;
Cobrir com plástico filme e deixar descansar até que a massa dobre de tamanho;
Dividir a massa em 3 pedaços e modelas os pães em uma superfície com farinha;
Colocar os pães em uma forma untada sem deixar tocar uns nos outros;
Colocar em forno pré aquecido em temperatura alta por 10 minutos, baixando para forno médio e deixando assar por mais 45 minutos ou até que a massa fique dourada. Caso deseje fazer pães menores, o tempo de cozimento deve ser menor.
Como consumir
Para obter seu efeito emagrecedor, deve-se consumir até 2 pães roxos por dia, em substituição ao pão branco comum. Como recheio, pode-se utilizar manteiga sem sal, creme de ricota, requeijão light ou uma fatia de queijo, de preferência queijos brancos, como ricota cottage ou queijo minas frescal light.
Também é importante lembrar que não se deve consumir batata doce roxa em grandes quantidades, pois ela pode causar enjoos e má digestão. 
Benefícios
Os benefícios deste pão se devem principalmente à presença de antocianinas, substância antioxidante que dá a cor arroxeada à batata doce e que tem os seguintes efeitos no organismo:
Prevenir doenças cardiovasculares;
Prevenir câncer;
Proteger o cérebro de doenças como Alzheimer;
Reduzir os níveis de glicose no sangue, controlando a obesidade e a diabetes;
Dificultar a digestão de carboidratos no intestino, aumentando o tempo de saciedade e favorecendo a perda de peso.
Ao contrário da versão roxa, o pão branco é responsável por aumentar rapidamente a glicemia, o que aumenta a liberação do hormônio insulina e estimula a produção de gordura no corpo.

Fonte Site Cura pela Natureza. Link original:https://www.tuasaude.com/receita-de-pao-de-batata-doce/

terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Pão de Capim Santo

Ingredientes
1 e 2/3 xícaras (chá) de leite
250 g de folhas de capim-santo
500 g de farinha de trigo
2 colh (sopa) de fermento biológico
1 colh (sopa) de açúcar
1 colh (chá) de sal
2 ovos
Modo de preparo
Bata o leite com as folhas de capim-santo. Peneire essa mistura e junte o restante dos ingredientes até obter uma mistura homogênea. Coloque, até a metade, em forminhas de pão (13 x 7 x 5cm) untadas com óleo e farinha de trigo.
Deixe descansar até dobrar de volume e asse por 15 minutos a 150ºC. Espere esfriar e desenforme.

O Capim Santo também é conhecido como Capim-limão, Capim cidreira ou Erva cidreira
Receita do livro "Capim Santo- Receitas para Receber Amigos", da chef  Morena Leite

segunda-feira, 23 de janeiro de 2017

20 incríveis benefícios do Gengibre para a saúde que você precisa saber

Já falamos do gengibre em outras matérias.
Mas esta raiz é tão versátil que resolvemos fazer um post especial sobre ela.
Reunimos 20 benefícios do gengibre para você aproveitar todo o potencial dele.
Conheça as vantagens de consumir o gengibre:
1.Combate o câncer

Se você usar o gengibre em suas refeições diárias, pode ter certeza de que ele vai estar construindo uma proteção natural contra o câncer, é o que dizem diversas pesquisas.
2. Elimina dor

O gengibre é um analgésico natural, capaz de aliviar dores.
Basta uma xícara de chá ainda em jejum.
3. Acaba com o enjoo

Qualquer incômodo causado por movimentos bruscos, como o enjoo, pode ser combatido com um pouco de gengibre.
4. Ajuda o organismo a absorver nutrientes
Se você está tentando entrar em forma, saiba que essa raiz pode ajudar seu corpo a absorver melhor os suplementos.
5. Combate a sinusite

O gengibre ajuda a limpar os seios paranasais.
É uma ótima alternativa natural a outros medicamentos.
Ele vai tornar fluida a secreção e desobstruir os seios paranasais.
Beba o chá de gengibre várias vezes por dia.
6. Combate náuseas da gravidez
Gengibre pode ser de grande ajuda se você estiver grávida e tiver problemas com enjoos e náseas.
Beber uma xícara de chá de gengibre pode controlar o problema.
Mas antes converse com seu médico, certo?
7. Ajuda o intestino irritado
Às vezes, o intestino fica irritado e todo o aparelho digestivo sofre.
Você pode consumir.neste caso, o gengibre como suplemento, chá ou pílula - o que importa mesmo é desfrutar das propriedades terapêuticas da raiz.
8. Previne Alzheimer
O gengibre também pode evitar a perda de células cerebrais, que é um sinal de Alzheimer.
Caso tenha históricos desse mal na família, comece a consumir a raiz o quanto antes.
9. Aumenta o apetite

Se você anda sem vontade de se alimentar, pode contar com o gengibre, pois ele estimula a fome.
10. Combate a azia

O gengibre tende a agir contra a acidez, acabando com azia, sem deixar efeitos colaterais, como muitos remédios fazem.
11. Resolve problema de gases

Se você anda sofrendo com gases, beba uma xícara de chá de gengibre antes de dormir - pois o efeito é potencializado durante a noite.
12. Estabiliza o nível de açúcar no sangue

Algumas vezes, o nível de açúcar é instável, o que é prejudicial à saúde.Com a quantidade certa de glicose no corpo, podemos ficar em forma e com energia ao longo do dia.
13. Diminui inflamação da artrite

Este é outro benefício do gengibre - combate a inflamação das articulações.
Tudo o que você precisa é tomar o chá ao longo do dia.
14. Alivia sintomas de asma

Não cura a asma, mas reduz os sintomas, o que já é grande coisa, não é?
15. Ajuda a perder peso

Esta a maioria já sabe.
O gengibre ajuda a reduzir o acúmulo de gordura.
16. Melhora a circulação
O gengibre abre os poros e melhora a circulação geral do corpo.
17. Revitaliza os músculos cansados

Com a correria do dia, é provável que os músculos fiquem cansados e doloridos.
O gengibre ajuda a recuperar a energia e queimar mais calorias, o que é ótimo se você está tentando perder peso.
18. Aumenta o desejo sexual
Se melhora a circulação sanguínea, também melhora o desejo sexual.Isso serve para ambos os sexos. Coloque gengibre nas principais refeições do dia.
19. Melhora o hálito

O gengibre melhora o hálito.
Beber chá de gengibre é uma boa escolha depois de consumir alho ou cebola.
20. Combate gripes e resfriados

Se você ficar gripado ou resfriado, o chá de gengibre pode ajudar no processo de cura.
Ele vai melhorar a imunidade, facilitando a recuperação.
COMO FAZER O CHÁ
O chá de gengibre é muito fácil fazer: basta colocar alguns pedaços da raiz em água fervente e, se desejar, acrescentar um pouco de limão.

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

domingo, 22 de janeiro de 2017

5 remédios para aliviar a dor ciática. A quarta é ótima!

A dor ciática é extremamente desagradável e compromete bastante a qualidade de vida de quem tem esse problema.
Se você é uma das vítimas dessa dor, sabe bem o que estamos dizendo.
Mas acreditamos que seu sofrimento está perto do fim.
Basta ler este artigo e seguir as orientações dele.
O nervo ciático é o mais longo do corpo humano.
Sua inflamação produz uma dor incômoda que se estende das costelas até abaixo do joelho.
Essa dor pode causar imobilidade parcial ou total.
O repouso ajuda, mas ele não pode se estender muito, pois a inatividade agrava os sintomas.
Além da dor, podem ocorrer outros sintomas, como pernas pesadas, formigamento e desconforto para se sentar.

A inflamação no nervo ciático pode ter várias causas.
Hérnia de disco pode ser uma delas.
O diabetes pode ser outra.
Uma condição conhecida como síndrome do piriforme também pode estar relacionada com o problema.
E até infecções pelo vírus do herpes podem originar a dor ciática.
As pessoas mais predispostas a desenvolver o problema são as sedentárias, as que estão acima do peso, as que levantam muito peso, as que passam muito tempo sentada com movimentos que forçam as costas (motoristas, por exemplo) e as que têm diabetes.
Como tratar a dor ciática?
Se você tem o problema, deve ter o apoio de um bom médico.
Além disso, reforce o tratamento com uma destas ótimas dicas naturais:
1. Terapia calor-frio
Nos primeiros 2-3 dias do tratamento, faça compressas frias: envolva em uma toalha uma bolsa de gelo e coloque na área afetada por 20 minutos várias vezes ao dia.
Passada a fase inicial do tratamento, você pode então fazer o mesmo procedimento com compressas quentes e alternar com as frias se a dor for persistente.
2. Arnica
Passe na área da dor tintura ou pomada de arnica (vende em lojas de produtos naturais e em farmácias de manipulação).
3. Cúrcuma (conhecida também como açafrão-da-terra)

Aplique na área afetada uma pasta feita com açafrão e azeite de oliva durante 30 minutos.
4. Vinagre de maçã

Este tratamento é sensacional e é o nosso preferido pois é superaprovado pelos leitores.
Ele deve ser feito à noite, antes de dormir.
Em um balde de 20 litros, coloque água quente até a metade.
Ponha a água na temperatura mais quente que possa ser suportada pelos pés.
Depois acrescente um punhado de sal e meio litro de vinagre de maçã.
Mexa bem essa mistura.
Coloque os pés dentro do balde e os mantenha lá até que a água esfrie.
Ao tirar os pés, enxugue e envolva-os em uma toalha seca e vá direto para a cama para dormir.
É preciso manter os pés aquecidos.
Por isso durma com uma toalha, um lençol ou colcha envolvendo-os para que fiquem bem aquecidos.
No outro dia, saia da cama com sandálias e não pise no solo sem elas.
Até na hora de tomar banho, use sandálias.
Faça uma vez e, se a dor passar logo no primeiro dia (o que é bem provável), fique repetindo-o a cada seis meses ou quando voltar a sentir dor.
5. Leite de alho
É um velho remédio caseiro, do tempo da vovó.
Veja como fazer e usá-lo:
INGREDIENTES
3 cabeças de alho picadas (não são os dentes de alho; são as cabeças, o bulbo completo)
Meia colher (chá) de açafrão-da-terra/cúrcuma em pó
1/4 de colher (chá) de pimenta-do-reino moída na hora
1 copo de leite
MODO DE PREPARO
Cozinhe os ingredientes, até que a mistura se reduza e torne-se um pouco espessa.
Desligue o fogo e espere esfriar.
Bata no liquidificador para que fique o leite de alho fique bem homogeneizado.
Transfira para uma embalagem esterilizada de vidro com tampa e feche bem.
Tome 3 colheres (sopa) por dia.
O melhor horário é antes das principais refeições.
As pessoas sensíveis ao alho podem fazer com menos cabeças, para que fique menos concentrado.


Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.
Fonte Site Cura Pela Natureza. Link original:http://www.curapelanatureza.com.br/post/08/2016/5-remedios-caseiros-para-eliminar-dor-ciatica-e-o-no-4-elimina-logo-na-primeira

sábado, 21 de janeiro de 2017

COMBINE BABOSA COM ESTES INGREDIENTES E EM BREVE VOCÊ TERÁ UMA PELE SEM MANCHAS E TOTALMENTE RENOVADA!

A babosa é uma planta poderosa.
E também faz maravilhas na pele e nos cabelos.
Por isso, neste post, apresentaremos algumas dicas à base de babosa para deixar sua pele muito mais bonita e sem manchas.
Os ingredientes são fáceis de encontrar, baratos e eficiente.

A babosa usada na pele, entre outras coisas:
- Clareia a pele
- Regenera os tecidos
- Protege o rosto dos efeitos do sol, frio e do ar poluente.

Frequentemente expomos nossa pele à poluição atmosférica e produtos químicos.
Tudo isso causa danos aos tecidos.
Com o passar da idade, muita gente procurar tratamentos para desintoxicar a pele e liberar a acumulação de detritos.
O problema é que a maioria dos cosméticos comerciais contém substâncias químicas nocivas não só à pele, mas também a todo o organismo.

Aprenda ótimos tratamentos caseiros e naturais com babosa:
1. Açúcar e babosa para esfoliar
Antes de iniciar qualquer tratamento, é importante esfoliar a área das células mortas.
Fazendo isso, garantimos a melhor absorção do produto natural.
Numa tigela, misture o gel da babosa (descasque um pedaço da planta e raspe com uma colher para extrair o gel) em duas porções ainda maiores de açúcar.
Previamente, lave a área a ser tratada com sabão e água.
Em seguida, aplique o esfoliante, massageando em movimentos circulares durante um minuto.
Depois, enxágue com água.

2. Leite e babosa para clarear a pele
Faça isso diariamente.
Se quer remover manchas de sol, por exemplo, esta receita é perfeita.
Numa tigela, misture partes iguais de leite e gel de babosa até que fique homogênea.
Aplique a mistura duas vezes por dia, ao acordar e antes de dormir.
Cada preparação pode ser mantida na geladeira no máximo por 3 dias.

3. Mamão e babosa para renovar a pele
O mamão tem uma grande capacidade de esfoliar e regenerar a pele.
Por isso ajuda bastante no equilíbrio da tonalidade e na remoção das olheiras.
Machuque um pedaço de mamão e misture duas partes dele para cada parte de gel da babosa - até que fique homogênea.
Aplique a máscara no rosto, se desejar, pode cobrir os lábios e os olhos, pois não há riscos.
Deixe agir por 20 minutos e enxágue com água morna.

4. Leite, mel e babosa para hidratar
Estes ingredientes são capazes de realizar uma hidratação profunda.
Misture o gel da babosa com leite e mel em partes iguais para formar uma pasta.
Aplique a máscara e deixe descansar por 40 minutos.
Depois enxágue bem.
A babosa tem muitas propriedades medicinais e é ótima para queimaduras, regeneração e nutrição da pele.

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.
Fonte:http://www.curapelanatureza.com.br/post/06/2016/combine-babosa-com-estes-ingredientes-e-em-breve-voce-tera-uma-pele-sem-manchas-e

Beba sempre água com limão!

Você provavelmente já deve ter escutado falar de que água morna com limão em jejum é uma dica maravilhosa para quem quer desintoxicar o corpo.
No entanto, essa não é a única vantagem de se consumir um copo dessa bebida.
Além de fornecer cálcio, potássio, magnésio, ferro, vitaminas A, B, e C, fibras, proteínas e hidratos de carbono, a água com limão ajuda a desintoxicar o nosso organismo.
Quer saber mais?
Então está no lugar certo!
Separemos os 10 benefícios principais do consumo regular dessa mistura.
Se você não sabe, o ácido cítrico do limão tem propriedades antibacterianas e antivirais, aumentando a imunidade do corpo.
Tudo que você tem que fazer é beber o suco de um limão misturado com um copo de água filtrada morna.
Se desejar, e não tiver diabetes, adicione um pouco de mel puro para deixar o sabor melhor.
Então, vamos lá!
1. Melhora a digestão
O limão estimula a produção da bile, que é importantíssima para a boa digestão.
Além disso, a fruta combate qualquer problema digestivo.
2. Aumentar a imunidade
Água quente de limão aumenta a absorção de ferro, que por sua vez melhora a função imunológica.
A vitamina C também reforça a capacidade natural do seu corpo para lutar contra gripes e resfriados.
3. Perda de peso saudável
A pectina presente no limão reduz a ansiedade pelo açúcar e acalma o emocional, o que lhe permite controlar a vontade de comer.
A mistura de limão com água morna cria um ambiente alcalino no corpo e, assim, estimula um processo de perda de peso saudável.
4. Limpar a pele
Beber esta mistura todas as manhãs antes do café vai purificar seu sangue e estimular a formação de novas células sanguíneas.
5. Mau hálito
O consumo regular dessa bebida vai estimular o tratamento da halitose.
Ela destrói as bactérias responsáveis pelo mau hálito e também estimula a secreção de nova saliva.
6. Equilíbrio do pH
Um único copo de água quente de limão vai deixar seu pH equilibrado.
Quem tem o organismo mais ácido, tem mais chances de sofrer com inflamações, mas o ácido cítrico do limão pode resolver o problema.
7. Energia
Uma vez que o limão é rico em vitaminas B e C, fósforo e proteínas, ele é capaz de energizar o corpo, hidratar e refrescar também.
8. infecções de garganta
O limão tem propriedades antibacterianas, como já dissemos, e isso ajuda bastante no combate às infecções.
Beber um copo de água de limão antes de seu café da manhã vai diminuir o risco de infecções na garganta.
9. Hipertensão
Use essa saudável bebida para ajudar a limpar e a hidratar o sistema linfático.
Ela diminui o estresse e melhora a saúde mental, o que é essencial para regular a pressão arterial.
10. Limpe seu aparelho urinário
Água de limão é um diurético poderoso.
Ela limpa o sistema urinário e estimula a produção do xixi.
Além disso, pode regular o pH e diminuir o número de bactérias nocivas, reduzindo o risco de infecção urinária.

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui o trabalho de um especialista. Consulte sempre seu médico.
Fonte:http://www.curapelanatureza.com.br/post/12/2016/se-voce-beber-agua-com-limao-todos-dias-de-manha-estes-10-problemas-vai-eliminar

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Ar condicionado em minutos: faça o seu com garrafa pet

Com itens fáceis de serem encontrados, você pode criar um ar condicionado portátil para se refrescar do calor da estação

Em épocas de calor intenso é uma prioridade ter uma alternativa para se refrescar. Pensando nisso, vamos te ensinar a melhorar o clima da sua casa de um jeito bem criativo e barato!

Com uma pilha de 9 volts, um cooler para computador, gelo e uma garrafa pet de 3 litros, você pode dar forma a uma poderosa engenhoca que servirá para substituir os caros ar-condicionados. Confira o passo a passo:

Materiais necessários
1 garrafa pet de 3 litros: ela deve estar nova, limpa e sem rachaduras ou dobras;
1 cooler de 12 volts para computador: você pode encontrá-lo em lojas de material eletrônico e para computadores;
1 bateria(pilha) de 9 volts: como não existe nenhum tipo de pilha de 12 volts, você pode usar uma de 9 volts, que servirá bem para fazer o cooler girar;
Gelo: prefira usar pedaços médios. Os muito pequenos além de derreterem mais rápido, escorregarão pela abertura da garrafa;
1 rolo de fita adesiva: você não vai precisar de grande quantidade. Porém, prefira a fita isolante, que será utilizada para a parte elétrica;
1 conector de bateria: você pode comprar junto com a bateria de 9 volts, que tem um formato de paralelepípedo.


Comece demarcando a garrafa pet
Nesta primeira etapa, você deve demarcar com uma caneta para CD o local em que o cooler vai se encaixar. A marca deve estar 4 dedos acima da parte inferior da garrafa. Segure o cooler de 12 volts sobre a garrafa pet, e contorne o objeto com a caneta, que irá formar um quadrado.

Faça cortes nos locais certos

Usando um estilete ou canivete, corte o espaço que demarcado pela caneta. Nele, será instalado o cooler. Após isso, siga para a ponta da garrafa. Ela precisa ser cortada até 1 cm abaixo do fim de sua curvatura. Se preferir, meça esta distância com uma régua para que não ultrapasse o limite. Corte toda a circunferência da parte de cima, mas não a descarte, você ainda vai precisar dela!

Instale o cooler

No corte quadrado feito na garrafa pet, você encaixará o cooler. Conforme for ajustando, perceberá que ele se encaixará no lugar perfeitamente, sem precisar de qualquer material para colar.

Instale a pilha
Agora é a vez de posicionar a pilha de 9 volts que alimentará a energia do cooler, fazendo o ar condicionado funcionar. Com uma fita adesiva mais resistente, como a isolante, posicione a pilha na parte exterior da garrafa, do lado oposto ao encaixe do cooler e coloque um pedaço de fita adesiva em cima, de modo que ela fique bem fixada na garrafa.

Conecte a bateria e o cooler
Há duas possibilidades: você pode interligar a bateria e o cooler por meio do conector de bateria de 9 volts – indicado por servir de interruptor – ou fazer a ligação direta dos dois fios conectores do cooler diretamente nos polos da bateria. O fio preto deve ser conectado ao polo negativo – que também é o fio preto – e o vermelho ao polo positivo – fio vermelho. Existe uma indicação na bateria para o negativo e o positivo.

A conexão através do conector de bateria é bem simples também: basta entrelaçar os polos iguais. No final, reforce a junção dos fios com fita adesiva. Com isso a parte elétrica está pronta.

Como funciona a refrigeração
Lembra do bico da garrafa que foi cortado? Ele será encaixado invertido, como um funil, dentro da garrafa, porém faça isso com cuidado para que a garrafa pet não dobre.

Depois, você deve providenciar um dos elementos mais importantes para o funcionamento do seu ar condicionado: o gelo. Deposite os cubos no funil que o bico da garrafa formou. Está pronto!

Seu funcionamento é semelhante ao de uma geladeira. A parte mais gelada fica na parte de cima, que resfria o ar e tende a descer. No caso deste ar condicionado, o ar é enviado para fora do cooler, resfriando automaticamente o ambiente em que está inserido e amenizando a temperatura.

Conforme o gelo for derretendo, basta repor e eliminar a água acumulada no fundo da garrafa.

Muito simples, não? Com um desses por perto, os dias próximos prometem ser mais frescos. Gostou? Conte pra nós nos comentários!

Ficou com dúvidas sobre como fazer? Aprenda mais detalhadamente no vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=pW0BVqRh404


Fonte:http://www.manualdomundo.com.br/

quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Horta Mandala: veja como fazer

Uma boa ideia para fazer uma horta no seu quintal, usando essa ideia super criativa. Em forma de mandalas.
Faça da forma que vê na imagem, na altura que lhe for conveniente. Defina a forma da mandala.
Cerque com madeira velha ou bambus, de preferência.
Encha de terra
Tem a entrada e onde você ficará para cuidar das plantas e regá-las.
Simples assim.
Mas se você não tem madeira e nem bambus por perto,  pode fazer como na segunda imagem abaixo, com garrafas pets.

Bem simples não acham? Ideias fáceis, criativas e que não sujam e nem dão muito trabalho no manuseio, como os canteiros comuns.
Essas duas imagens foram extraídas do Pinterest e desconheço a autoria no momento.

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

ESQUEÇA O SILICONE: 6 PLANTAS QUE AUMENTAM O TAMANHO DOS SEIOS NATURALMENTE

Muitas mulheres desejam aumentar o tamanho dos seios.
Por isso se submetem a cirurgias plásticas e ao uso de substâncias nada saudáveis como silicone.
Mas e se houvesse uma maneira de aumentar os seios sem colocar silicone, sem sentir dores e sem o consumo de remédios químicos?
Felizmente, graças à natureza, isso é possível!
Há seis plantas que agem de forma intensa dentro do corpo, resultando no aumento dos seios.
Conheça cada uma delas e suas propriedades.

1. Feno-grego
Trata-se de uma poderosa semente originária da Grécia.
Encontra-se em lojas que vendem temperos e especiarias.
Você só precisa colocá-la num recipiente com água durante a noite toda.
No dia seguinte, passe esta água nos seios e massageie.

2. Anis-estrelado
Esta é uma erva chinesa, rica em substâncias (como estrogênio) que aceleram o crescimento da mama.
Basta tomar o chá da planta três vezes por dia (ferve-se 1 litro de água com 1 colher de chá de anis).
Tome durante sete dias.
Dê uma pausa de uma semana e retome por mais sete.
Se quiser prosseguir, fique fazendo sempre esse ciclo de 7 com chá e 7 sem tomar.

3. Funcho/erva-doce
Ele contém fitoestrogênios.
O que isso significa?
Que ele estimula o crescimento do peito e da produção de leite das mamães que estão amamentando.
Além disso, essa planta é rica em dianethole, photoanethole e anthole, substâncias que aumentam a secreção de estrogênio no corpo e reduzem cólicas em bebês.
Neste caso, recomenda-se o consumo da planta em saladas ou na forma de chá.

4. Alcaçuz
Esta planta também tem grande efeito sobre os seios.
Além disso, contém as mesmas propriedades e benefícios do funcho/erva-doce.
A melhor maneira é consumir o chá: misture duas colheres (sopa) de raízes de alcaçuz em um litro e meio de água.
Ferva, desligue o fogo, abafe por dez minutos, coe e beba.

5. Pueraria-Mirifica
Esta planta cresce na Tailândia e é muito usada em produtos de antienvelhecimento.
E tem a incrível capacidade de aumentar as mamas.
Não é à toa que há tantos cremes que contêm esse forte ingrediente.
No Brasil, é mais fácil mandar manipular o extrato da planta sob a forma de cápsulas.

6. Bardana

O consumo de bardana pode aumentar o fluxo de sangue no tecido mamário, facilitando o crescimento dos seios.
Além disso, a planta melhora o funcionamento dos órgãos reprodutivos.
Toma-se o chá ou come-se a planta (com regularidade) para alcançar esses resultados.
Para fazer o chá, ferve-se 1 litro de água e acrescenta a planta.
Espere esfriar e tome três xícaras ao longo do dia.
Pode-se tomar por duas semanas e, depois, pausar por sete dias.​

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Fonte:http://www.curapelanatureza.com.br/post/01/2016/esqueca-o-silicone-6-plantas-que-aumentam-o-tamanho-dos-seios-naturalmente

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

A importância das abelhas para a alimentação no mundo

Se as abelhas desaparecerem, ao homem restarão apenas quatro anos de vida?
Esta frase de Albert Einstein parece ridícula, mas admirador das abelhas que era, devia saber bem do que estava falando.
De acordo com a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação, as abelhas polinizam os frutos de 73% dos alimentos que consumimos.

A extinção das abelhas pode levar a colapso mundial alimentar e essa realidade parece estar próxima. Cientistas alertam que colônias inteiras do inseto estão ameaçadas. A situação coloca em risco a própria produção de alimentos para os seres humanos, já que as abelhas desempenham papel fundamental na polinização das plantas.
O uso de pesticidas por fazendeiros em cultivos e colmeias pode embaralhar os circuitos cerebrais das abelhas. De acordo com artigo publicado na revista científica Nature Communications, a utilização desses produtos químicos afetaria a memória e a capacidade de navegação das abelhas melíferas (produtoras de mel).

No ano passado, a associação entre o desaparecimento de abelhas e o uso de agrotóxicos levou o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) a restringir a aplicação de quatro tipos de princípios ativos de inseticidas. Na época, o agrônomo, Quimet Toldrá, em entrevista à Radioagência NP, destacou a importância das abelhas para a produtividade de certas culturas agrícolas.
“A abelha européia, a nível mundial, é responsável por aproximadamente 75% da produção de frutos. No caso das maçãs, por exemplo, calcula-se que 90% da produção é responsável pela polinização das abelhas. Em outros cultivos, como o café, 60% se devem às abelhas”.

As abelhas são fundamentais para o funcionando do sistema agrícola. E, no Brasil, elas estão mais ameaçadas. Desde 2008, o país é o maior consumidor de agrotóxicos do mundo. Segundo Quimet Toldrá, os impactos são instantâneos.
“A quantidade que está se jogando de agrotóxicos vai ter efeitos na biodiversidade. Não são efeitos às vezes até diretos, mas indiretos. Ou seja, vai se rompendo a cadeia de reprodução das plantas, de diferentes espécies vegetais.”
De São Paulo, da Radioagência NP, Leonardo Ferreira.

 Como ajudar?
Cultive plantas que floresçam no inverno. Nas regiões de invernos mais rigorosos, costumam ter poucas plantas que florescem no outono e inverno, isto causa a morte e diminuição das colônias.
Escolher plantas para os jardins que tenham flores contínuas, elas atraem as abelhas.
Organizar conjunto de plantas que tenham florescimento sazonal, combinando-as de modo a ter sempre flores no jardim que possam servir de alimento. 
Flores preferidas das abelhas
As abelhas enxergam cores e são atraídas por flores de cor azul, rosa, púrpura, amarela, branca e violeta. Plantar flores de diferentes cores e tamanho em seu jardim, varanda ou em pequenos vasos já é uma grande ajuda. Não só as abelhas, mas também insetos polinizadores serão beneficiados!
O ideal: Áreas de jardins particulares, públicos, empresariais, condomínios, parques e hortas são fortes aliados.
O Cartaz ao lado que diz o que podemos plantar para salvar a espécie é simples, mas podemos ir além. Entre as favoritas estão: Funcho, malva, manjerona, orégano, alecrim, dente de leão, tomilho, hortelã, lavanda, margaridas, girassol, macela, carqueja, begônia, margarida, dama da noite, calendula, gerânio laranjeira, limoeiro, pitanga, maracujá, abacateiro…. entre tantas outras!
Muitas pessoas hesitam quando se fala em atrair abelhas para o jardim, temendo ser picado. A verdade é que a maioria das abelhas são criaturas gentis que estão somente em busca de comida e água para si e seus filhotes. Para evitar esses aborrecimentos, quando estiver em um jardim, não use cores e perfumes fortes, elas podem pensar que você é uma grande flor pronta para a polinização.
Fonte da matéria:http://www.studiodecore.com/2014/01/extincao-das-abelhas-pode-levar-ao.html

Por que as aves se alimentam de barro e argila?

As aves como os periquitos, araras se alimentam-se de sementes e frutos, incluindo o buriti (Mauritia flexuosa), o cajuzinho (Anacardium humile), o iriri (Allagoptera leucocalyx) e a gabiroba (Campomanesia adamantinum), de preferência ainda verdes, e essas muitas das vezes tem toxinas ou do sabor desagradável que provocam dores estomacais.
As aves reúnem-se em grandes bandos em encostas argilosas expostas para ingerir argila, necessária para eliminarem toxinas da dieta e para enriquecê-la com um suplemento de elementos minerais. Por isso que é comum essas cenas das fotos, vermos aves nas encostas de barro e argila. Elas sabem como se tratar de dores e incômodos alimentares.

segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

Abraçar árvores faz bem à saúde, comprova estudo

Muito além do simbolismo hippie de abraçar uma árvore como ideal de harmonia com a natureza, estudo defende que há benefícios reais para saúde ao fazer o mesmo. (na foto acima, nossa amiga Sila Moura, de Morada Nova de Minas, abraçando uma árvore do Cerrado)
Homem e natureza se complementam, afinal, só existimos porque a natureza proporciona as condições climáticas ideais para nossa espécie e também fornece todos os recuRsos naturais que precisamos. Tudo isso não é novidade para ninguém, tanto é que cada vez mais a questão da sustentabilidade é discutida por vários setores da sociedade, entre empresas e governos. A novidade da vez é que cientistas chegaram à conclusão de que abraçar árvores faz bem à saúde… Sério!
Além do simbolismo hippie de paz, amor e respeito à natureza, um estudo publicado no livro de Matthew Silverstone, chamado de “Cego pela Ciência”, confirma que existem benefícios reais para saúde ao abraçar uma árvore. Segundo o estudioso, entre os efeitos positivos estão o combate a doenças mentais, hiperatividade, transtorno de déficit de atenção, depressão, tempo de reação e ainda dores de cabeça. Além disso, segundo o livro há resultados positivos de saúde e bem-estar quando crianças abraçam árvores e interagem com plantas. No livro, Matthew apresenta dados de melhoras cognitivas e emocionais de meninos e meninas em locais verdes.
Você pode até pensar que viver ou trabalhar em locais arborizados passa uma tranquilidade natural, por isso o bem-estar. Porém, Matthew defende em seu estudo que existem propriedades vibracionais que as árvores transmitem às pessoas. “Tudo vibra, vibrações diferentes, sem dúvida, afetam comportamentos biológicos”, complementou o autor.
De acordo com o estudo, a pessoa recebe vibrações diferenciadas ao tocar uma árvore e isso pode fazer bem à saúde, principalmente nos dias de hoje, já que cada vez mais doenças relacionadas ao stress e estilo de vida aparecem na sociedade.

------------------------------
Fonte:http://www.pensamentoverde.com.br/ciencia/abracar-arvores-faz-bem-saude-comprova-estudo/
ILUSTRAÇÕES NOSSA.

Aprenda a fazer esse antiviral caseiro: combate vírus e infecções.

Tivemos conhecimento desta receita lendo uma revista europeia especializada em medicina natural.
A matéria denominava a receita de "o mais poderoso antibiótico natural".
E, pela sua composição, não há dúvida de que se trata de um potente medicamento natural.
Analisando a fórmula, é visível sua atuação contra bactéria, fungos, vírus e vermes.
Ele também aumenta a circulação de sangue e o fluxo linfático em todas as partes do corpo.
É uma excelente opção para lutar contra fungos como cândida.
Além disso, purifica o sangue.
Seu segredo é a poderosa combinação de ingredientes naturais de alta capacidade curativa.
Para resumir, este tônico fortalece o sistema imunológico, atua como um antiviral, antibacteriano, antifúngico e antiparasitário, combatendo doenças e auxiliando nas infecções mais graves.
A receita é fácil de fazer.
Tente reunir todos os ingredientes.
Se não for possível, faça com o máximo que conseguir.
Mas que fique claro: para que o tônico tenha a força máxima, é preciso estar com todos os ingredientes.
Eis a receita:
INGREDIENTES

700 mL de vinagre de maçã (compre uma marca boa e de preferência orgânico)
1 quarta de xícara de cebola picadinha
1 quarto de xícara de alho finamente picado
1 quarto de xícara de gengibre ralado
2 colheres (sopa) de rabanete ralado
2 colheres (sopa) de cúrcuma/açafrão em pó
1 pitada de pimenta-do-reino moida na hora
MODO DE PREPARO
Misture todos os ingredientes em uma tigela, à exceção do vinagre de maçã.
Transfira a mistura para um frasco de vidro, previamente esterilizado.
Acrescente o vinagre.

É preciso saber que dois terços do frasco devem ser ocupados pelos ingredientes secos e o restante pelo vinagre de maçã.
Feche o frasco bem e agite-o vigorosamente.

Mantenha o frasco em local seco, fresco e não exposto à luz solar durante 14 dias.
Nesse tempo, o frasco precisa ser agitado várias vezes ao dia.
Depois de duas semanas, coe a preparação.
Na hora hora de coar, esprema bem os ingredientes na peneira (com o auxílio de uma colher) para que caia todo o líquido.
Guarde o medicamento num recipiente limpo.
Seu antibiótico natural está pronto.
Não é necessário guardá-lo na geladeira.
Ele vai durar muito tempo.
A dose tem que ser pequena no início, pois o sabor é muito forte e picante.
Dica: coma uma fatia de laranja depois de consumir o tônico; isso vai aliviar a sensação de calor.
Não dilua em água, pois isso reduzirá o efeito.
Comece com 1 colher (de chá) diariamente.
Se achar forte demais e enjoativo, diminua para meia colher.
Com o passar do tempo, amplie para 1 colher (sopa) para fortalecer o sistema imunológico.
Aumente a quantidade pouco a pouco, se possível, até a dose de um pequeno copo por dia.
Se você luta contra uma doença grave ou infecção, tomar 1 colher (sopa) de 6 vezes por dia.
O antibiótico não contém toxinas, os ingredientes são todos naturais.
Mesmo assim, mulheres grávidas e crianças não devem consumir, a não ser que consigam a autorização de seu médico e, se conseguirem, a dose tem que ser menor (1 colher de chá).
Não consuma com o estômago vazio.
Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico. Fonte:http://www.curapelanatureza.com.br/post/12/2016/elimine-virus-e-infecoes-com-este-poderoso-antibiotico-e-antiviral-caseiro

Como fazer bonsai passo a passo

O bonsai como você provavelmente sabe é aquela árvore em miniatura cultivada pelos japoneses e que é, além de uma linda planta decorativa, uma arte que demanda paciência e tempo para que a planta fique como se deseja.

Cultivar um bonsai é no fim uma espécie de terapia anti-stress, já que é uma atividade cuidadosa e delicada, embora não precise de muito tempo. Se você está interesado em fazer o seu próprio bonsai, primeiro saiba que irá levar muito tempo até obter o resultado que espera, mas não desanime!

Nós vamos agora te ensinar como fazer um bonsai passo a passo para você começar a cultivar o seu em casa.
Bonsai – Como Fazer Passo a Passo

Para começar, você precisa escolher que tipo de muda usará para fazer o bonsai. Tecnicamente podem ser usada qualquer planta, mas algumas são mais indicadas, como a mini-romã, o pinheiro-japonês e ficus. Você pode plantar desde a semente mas em geral a melhor idéia é comprar uma muda em um viveiro. Escolha uma com um tamanho em média de 15cm.

O vaso para bonsai em geral é largo e raso como uma bandeja, e esse tamanho é de propósito pois o vaso limita o tamanho do crescimento das raízes do bonsai, o que naturalmente limita seu tamanho. Lembre-se que o vaso precisa ter furo para drenagem.

Depois de escolhida a muda e o vaso, é hora de plantar. Você naturalmente precisará de alguns itens, como substrato, pedrinhas, um pedaço de arame e uma tesoura de poda, além é claro do vaso escolhido e da planta.

Como o vaso deve ser baixo, comece passando pelo furo para drenagem o arame, passando uma ponta em cada furo de modo que fiquem duas pontas para dentro do vaso.

Coloque um pouco das pedrinhas no fundo, pois elas ajudarão na drenagem, impedindo os drenos de entupirem.

Retire a muda do vaso onde estava e tire toda a terra das raízes, então corte uma parte das raízes (até 1/3), o que fará com que a planta fique mais saudável e permitirá o crescimento de novas raízes, fazendo com que ela se desenvolva melhor.

Coloque ela no novo vaso, ajeite as raízes e prenda a muda com o arame para que fique firme (o arame será retirado depois que a planta estiver presa naturalmente). Então coloque o substrato até chegar à altura da borda do vaso.

Depois disso, regue o bonsai moderadamente e então é necessário ter alguns cuidados para que ele se torne um verdadeiro bonsai:

A rega deve ser a cada um ou dois dias em média, podendo ser de até duas vezes ao dia em dias quentes. Nunca deixe a terra encharcada, o ideal é ficar úmida. Como o espaço que contém o substrato é limitado e pequeno é necessário adubar o bonsai, mas prefira adubos orgânicos no começo, já que você não terá muita prática no cultivo e adubos químicos poderiam matar ou prejudicar o bonsai.

A troca de vaso deve ocorrer em média a cada 2 anos, quando então você deverá repetir os passos ensinados aqui. As podas, que são um fator importante, devem ocorrer com frequência para que ele fique com a forma desejada. Deixe apenas galhos essenciais que seriam os galhos principais de uma árvore grande.

Como qualquer planta o bonsai precisa de iluminação, à qual deve ser exposto várias horas por dia, dependendo da espécie da planta.

Com essas dicas você começará a entrar no belo mundo do cultivo de bonsais e em alguns anos terá uma miniatura perfeita de árvore na sua casa!

Veja ainda um vídeo que dá noções básicas de como fazer o bonsai:https://www.youtube.com/watch?time_continue=4&v=AfBKvaulkyI

Fonte:http://www.decoratividade.net/jardim/como-fazer-bonsai-passo-a-passo/

sábado, 7 de janeiro de 2017

Sorvete de Araticum


Ingredientes
1 litro de leite
250 gramas de açúcar
100 gramas de creme de leite
100 gramas de leite em pó
10 gramas de emulsificante
10 gramas de liga neutra
200 gramas de polpa de araticum ou marolo
modo de preparo

Primeiro, bata todos os ingredientes no liquidificador. Depois, leve a mistura ao congelador. Congele meio congelamento.

Depois, tire a pasta e bata com a batedeira. Leve de volta ao congelador.

Fotografia de Leandro Couri

Qual é a importância das abelhas para o meio ambiente?

Enxame de Abelhas Africanizadas. Fotografia de Célia Franco
Esses insetos são responsáveis por 80% da polinização em todo o planeta

Você pode gostar ou não delas. Pode achá-las bonitinhas ou ter medo de levar uma ferroada. Porém, uma coisa é fato: as abelhas são muito importantes para o meio ambiente. Mas final, qual é a importância das abelhas para a natureza e para todos nós?
Quem explica é Patrícia Drumond, pesquisadora da Embrapa Acre. De acordo com Patrícia, cientistas estimam que as abelhas são responsáveis por quase 80% da polinização das plantas cultivadas do planeta. “Polinização é a transferência de material genético da parte masculina para a parte feminina da flor”, explica a pesquisadora. Ela conta que esse é um processo importante na formação de frutos em diversas plantas.
“Um exemplo interessante é o café. Quando cultivado perto de mata, há um aumento de até 15% na produção de grãos”, destaca Patrícia. De acordo com a pesquisadora, esse aumento se deve à presença das abelhas. Mas ela deixa claro que outros animais, como aves, mamíferos e insetos, além de fenômenos naturais, como vento e chuvas podem também espalhar o pólen das flores.
Além desse papel, algumas espécies de abelhas também são responsáveis pela produção de mel. Além de ser um alimento saboroso e com grande quantidade de energia, a substância serve de base para a geração de renda em diversas regiões do país. Tanta importância aumenta a preocupação com a preservação desses insetos. “A manutenção da vegetação natural e a redução do uso de produtos químicos na lavoura são estratégias importantes que permitem a conservação dos polinizadores e da biodiversidade no planeta”, comenta.
Se esses cuidados não forem tomados, os resultados podem ser desastrosos. “Com a extinção das abelhas ou a redução da sua área de distribuição geográfica observaremos uma diminuição na quantidade e na qualidade de frutos e sementes produzidos e, consequentemente, na produção mundial de alimentos ”, alerta Patrícia

Fonte da matéria: Revista Globo Ciência (Quero Saber)

sexta-feira, 6 de janeiro de 2017

Jamelão: essa fruta ajuda no combate ao câncer.

Uma pesquisa realizada pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) mostrou que o pigmento do Jamelão (Eugenia jambolana) – também conhecido como jambolão e azeitona – pode destruir células cancerosas.
O estudo constatou que o extrato da fruta, que contém antocianinas, substâncias presentes na pigmentação, levou à morte uma média de 90% das células leucêmicas.
Os testes também foram realizados em células sadias, das quais apenas 20% morreram.
Os pesquisadores querem descobrir agora se a morte foi causada pela substância na sua forma original ou em razão de um produto metabólico.
"Utilizamos diferentes concentrações do extrato e chegamos a um ponto ideal. Mas outros estudos são necessários para esclarecer os mecanismos envolvidos", disse a pesquisadora Daniella Dias Palombino de Campos.
De acordo com a professora Adriana Vitorini Rossi, do Instituto de Química e orientadora da pesquisa, o jamelão apresenta uma característica própria em relação a frutas como jabuticaba, amora e uva, que também possuem antocianinas.
Outra pesquisa, realizada no Instituto de Tecnologia em Fármacos da Fiocruz, revelou que o chá da folha do jamelão, além de combater inflamação, tem ação antialérgica, com propriedades semelhantes às da dexametasona, corticoide usado nos casos de alergia.
Em testes feitos com camundongos alérgicos à albumina (proteína encontrada no ovo), o uso oral do extrato aquoso de jamelão reduziu, em meia hora, cerca de 80% do inchaço na pata.
O jamelão é muito usado também na medicina natural para combater o diabetes, graças às suas características hipoclicêmicas.

Neste caso, o mais indicado é o chá das sementes: basta esmagar 2 colheres (chá) de sementes em uma xícara (chá).
Adicione água fervente, tampe e deixe a infusão descansar por dez minutos.Consuma três xícaras por dia, sem açúcar, claro.
Faça o tratamento, no caso de diabetes, por uma semana.
Mas é muito importante os diabéticos terem sua glicemia constantemente monitorada e serem acompanhados por um bom médico.
O chá de jamelão pode abaixar a glicose muito rapidamente.
E também é indicado para controlar o colesterol, assim como a fruta.
Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.
Fonte da matéia:http://www.curapelanatureza.com.br/post/09/2016/cientistas-comprovam-o-grande-poder-desta-fruta-ela-e-capaz-de-destruir-90-das-celulas

quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

Essa dica irá ajudar a reduzir o ácido úrico no sangue. Veja

Definitivamente precisamos valorizar nossos rins.
Eles são órgãos complexos, envolvidos em vários processos químicos para executar suas funções.
Rins danificados podem ocorrer por diversos fatores, como:
- Consumir pouca água
- Fumar
- Ingerir bebidas alcoólicas
- Consumir refrigerantes
- Exagerar no consumo de carne
Há muito outros fatores.
Para tratar os danos, é preciso identificar a(s) causa(a).
Trouxemos o bicarbonato de sódio para ser nosso aliado neste post.

Entenda o que acontece:
1. Nosso corpo libera enzimas e hormônios que transformam alimentos em produtos químicos, facilitando a digestão.

2. Quando ingerimos bicarbonato de sódio, estamos protegendo os rins durante o processo digestivo.
Nossos rins produzem bicarbonato de sódio naturalmente.
Mas, quando consumimos excesso de açúcar e gordura, por exemplo, estamos sobrecarregando os rins e impedindo a produção natural de bicarbonato de sódio.
O bicarbonato é tão bom, que neutraliza os ácidos que são liberados na digestão.
A ausência do bicarbonato de sódio no corpo contribui para danificar os rins.
Além disso, pesquisas - como uma realizada pelo Royal London Hospital, em Londres - revelaram que ele pode ser excelente na remoção das pedras nos rins, assim como ótimo para reverter a insuficiência renal.
Resumindo: ganhamos uma possibilidade de não fazer diálise.
O sangue também pode ficar com pH ácido se houver ausência de bicarbonato de sódio.
Quando combinado com o tratamento para a insuficiência renal, o bicarbonato de sódio retarda a insuficiência renal.
Depois de um estudo de 2 anos, dos 33% que faziam diálise, apenas 6,5% continuaram precisando desse tratamento - os demais foram curados.
O tratamento foi feito com o uso via oral do bicarbonato de sódio, juntamente com a diálise.
Quando o bicarbonato de sódio entra no sangue, provoca mudanças na diálise.

Veja como realizar o tratamento com bicarbonato para eliminar pedras nos rins e controlar o ácido úrico:
Simplesmente consuma meia colher (chá) de bicarbonato de sódio em 200 ml de água, em jejum, durante 15 dias (ou até menos) para se livrar dos cálculos renais.

Importante: suspenda o tratamento se sentir gases, inchaço no ventre ou enjoo.Mulheres não devem fazer durante a gestação.
Se os seus rins já estiverem muito debilitados, com insuficiência renal, converse com seu médico antes de fazer este ou qualquer outro tratamento natural.
Observação: Use um bicarbonato de sódio de boa qualidade, normalmente vendido em farmácias.
Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

PARA QUEM QUER DIMINUIR OU DEIXAR DE COMER CARNE: 6 ALIMENTOS VEGETAIS RICOS EM PROTEÍNA!

Você vai ver agora uma lista com seis ingredientes naturais que podem ser utilizados para substituir a carne.
Esta lista é para ajudar os que estão querendo comer menos carne ou mesmo deixar de comer esse alimento.
Ela também serve até para aqueles que não comem mais.
Comer carne ou não comer é uma escolha pessoal.
Mas é bom saber que o consumo de carne não está relacionado apenas com questões de saúde e nutrição.
A pecuária é uma das maiores ameaças ambientais do planeta.
A criação de gado, só para você ter uma ideia, consome exageradamente água, contribuindo para a escassez deste importante recurso natural.
Quanto menos gados forem criados para fins comerciais, mais água teremos para usufruir.
Acha isso um exagero?
Pesquise mais para ver como a pecuária ameaça o meio ambiente e, por consequência, a todos nós.
Sabemos que ela movimenta muito dinheiro e, por isso, representa uma forte atividade econômica.
Mas, pelo bem do planeta Terra, já está na hora de se pensar em alternativas a essa atividade.
A carne é uma boa fonte de proteína. Mas não é a única.
E existem boas fontes vegetais desse nutriente.

Veja seis delas:
1. Quinoa

A quinoa (ou quinua) é muito especial.
Ela é um dos poucos alimentos vegetais que contêm proteína completa.
A proteína da quinoa é de excelente qualidade, sendo ótima até para quem malha visando o crescimento muscular.
Uma porção de 100 gramas de quinoa contém 14 gramas de proteína.
Além disso, a quinoa é um cereal com índice glicêmico baixo.
Isso significa que a quinoa é boa para diabéticos e não causa picos de açúcar no sangue.

2. Ervilha
Comer ervilhas (porção de 100 gramas) pode dar ao nosso corpo até 10 gramas de proteína de qualidade.
Uma boa opção é fervê-las fazer um creme ou sopa bem proteico.

3. Brócolis
Os brócolis têm a merecida fama de ser um alimento muito saudável, com forte atividade anticâncer.
Mas o que poucos sabem é que esta verdura é uma boa fonte de proteína, fornecendo até 4 gramas desse nutriente por porção de 100 gramas.

4. Lentilhas
Outra excelente fonte de proteína vegetal.
100 gramas de lentilhas fornecem quase 10 gramas de proteína.

5. Castanha de caju
A castanha de caju contém diversos aminoácidos.
Os aminoácidos são elementos que nos ajudam a compor os nossos músculos.
E mais: em 100 g de castanha de caju, há 18,5 g de proteínas.

6. Sementes de girassol

Elas fornecem uma boa dose de proteína.
São mais de 20 gramas em 100 gramas desta semente.

Este é um blog de notícias sobre tratamentos caseiros. Ele não substitui um especialista. Consulte sempre seu médico.

Fonte:http://www.curapelanatureza.com.br/post/10/2016/para-quem-quer-diminuir-ou-deixar-de-comer-carne-6-alimentos-vegetais-ricos-em-proteina


terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Receita para fazer água alcalina

A água alcalina tem sido muito recomendada por nutricionistas, são inúmeros benefícios para nossa saúde, segundo alguns nutricionistas a água alcalina ajuda a não deixar ácido no nosso sangue, uma água com ph de 7,35 a 7,45 que é capaz de garantir um ótimo funcionamento do nosso organismo,

Entre outros benefícios,uma dose extra de magnésio encontrada na água alcalina melhora o trânsito intestinal, reduz a TPM, edemas e ajuda a reduzir crises de enxaquecas e câimbras.
Dicas sobre água alcalina

Segundo especialistas, muitas doenças se manifestam em ambientes mais ácidos por conta da deficiência de minerais, principalmente o magnésio.

É classificada como alcalina a água que tem o PH maior do que 7, possui teor de cloro e fluor reduzido, não contém metais pesados e nem compostos orgânicos não desejados. Ela apresenta seu PH entre 7,35 e 7,45, sendo essencial para mantermos a saúde.

Assim que entra no organismo, o limão realiza uma poderosa alcalinização do sangue, levando o corpo a atingir o pH ideal: entre 7,36 e 7,42. A alcalinização produzida pelo limão beneficia o cérebro, coração, pulmões, rins, sistema imunológico, intestinos, fígado, enfim, todos os principais órgãos do corpo. A água alcalina feita com limão, portanto, é um poderoso agente terapêutico que irá contribuir para o equilíbrio do corpo, realizando diariamente uma “faxina” preventiva. Você deve consumir 2 litros dessa água diariamente, no lugar da água comum.

O sangue mais ácido está envolvido com doenças degenerativas como a osteoporose e o câncer. A água mais alcalina contém magnésio, cálcio, potássio, bicarbonato, entre outros minerais que estão envolvidos no equilíbrio ácido básico do organismo. Praticantes de atividade físicas intensas como crossfit, treinamento funcional, spinning , e que possuem uma ótima performance e trabalho muscular intenso, produzem grande quantidade de ácido láctico muscular relacionado com a fadiga e dores musculares. A água alcalina ajudará a equilibrar esse processo alcalinizando o sangue após a liberação dessas substâncias produzidas pelo exercício atuando na recuperação muscular. O nosso esqueleto desempenha um papel importante no equilíbrio ácido-base do sangue, vital para o bom funcionamento das nossas células. A alimentação rica em açúcares, carnes vermelha, gorduras saturadas, hidrogenadas acidificam o sangue em função dos seus resíduos ácidos, e interferem na saúde dos nossos ossos, pois um ph do sangue mais ácido estimula a reabsorção óssea, mecanismo que envolve a ativação de osteoblastos relacionados com a osteoporose. A dose extra de magnésio melhora o transito intestinal, reduz a TPM, reduz edema, ajuda a reduzir crises de enxaquecas e câimbras.
Água alcalina ajuda a emagrecer?

Nenhuma outra substância é mais essencial e requerida em quantidades tão grandes pelo nosso organismo como a água. No controle do peso, quando a ingestão é feita 30 minutos antes das refeições, pode reduzir a quantidade de energia ingerida na refeição, logo, ocasionar o emagrecimento. O que temos que nos atentar é que muitas vezes as pessoas estão sentindo sede, mas acabam optando por comer, aumentando assim sua ingestão calórica, gerando o aumento de peso. Até mesmo para quem visa o ganho de massa muscular, a água é fundamental, não há crescimento muscular se não houver água.
Receita para fazer água alcalina com limão

Ponha 2 litros de água numa jarra. Corte 1 limão em 8 partes, sem espremer e sem tirar a casca. Deixa descansar durante 8 horas. Depois, basta consumir a água alcalina ao longo do dia.

Fonte:http://remediodaterra.com.br/receita-para-fazer-agua-alcalina/

domingo, 1 de janeiro de 2017

Não devemos usar sapatos dentro de casa nunca. Aqui está o porquê:

Quando você chega em casa, tira os sapatos ou entra calçado?
Se entra calçado, temos uma recomendação: mude já esse hábito.
A maioria dos asiáticos, especialmente os japoneses, andam descalços dentro de casa.
E normalmente, quando chegam em casa, eles tiram o sapato antes de passar pela porta de entrada.
Acha que isso é por acaso?
Não, é fruto de um povo com sabedoria milenar.
E agora os ocidentais, com suas pesquisas científicas, estão começando a entender o hábito dos japoneses.
A Universidade de Houston realizou uma pesquisa e descobriu que 39% dos sapatos continham bactérias C. diff, também conhecidas como Clostridium difficile.
Essa bactéria é uma ameaça pública e resistente a vários antibióticos.
Os problemas que podem ocorrer são diarreia e, o mais grave, a inflamação do cólon.
Outro estudo, desta vez na Universidade de Arizona, descobriu nove formas diferentes de bactérias encontradas na sola dos sapatos.
Para você ter ideia, a parte inferior do calçado é mais suja do que assentos sanitários.
O dr. Charles Gerba microbiologista e professor resolveu fazer uma experiência para saber até onde isso é grave.
Comprou sapatos novos, usou por apenas duas semanas e encontrou 440.000 unidades de perigosas bactérias que podem provocar, entre outros problemas, pneumonia e infecção respiratória.
A C.diff atinge apenas quatro de cada dez pessoas, mas há muitos outros tipos de bactérias e elas precisam ser evitadas.
Um piso de banheiro público, por exemplo, contém 2 milhões de bactérias por polegada quadrada – o que acontece se você pisar num ambiente desse e depois entrar em casa sem tirar os sapatos?
Consequências ainda mais graves ocorrerão se você tem filhos pequenos em casa, pois eles colocam as mãos no chão, se deitam e rastejam.
Para um bebê de até 2 anos, com o sistema imunológico ainda em formação, isso é um verdadeiro perigo!
Ah, também devemos levar em consideração que o solado do sapato pode acumular resíduos de produtos químicos, germes e agentes patológicos.
Por isso definitivamente aconselhamos você a deixar os calçados do lado de fora da casa.
Alguns ocidentais já têm esse costume de só andarem pela casa descalços.
No entanto, muitas vezes, acabam calçando os sapatos antes de sair, dando algumas voltas no interior da casa.
Não se esqueça desta matéria - e mude o hábito de entrar calçado dentro de casa.
Fonte do texto:http://www.curapelanatureza.com.br/post/02/2016/nao-devemos-usar-sapatos-dentro-de-casa-nunca-aqui-esta-o-porque -  Foto ilustrativa de autoria de Arnaldo Silva 

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Conheça o projeto EcoVida

Postagens populares

Seguidores